Menu

AMD RX 480 ou Nvidia GTX 1080: Veja qual a melhor placa de vídeo.

July 1, 2016 - Computadores, Notícias, Uncategorized

GTX1080_Web_GF-1200x627-7-OG

A AMD  e  a NVIDIA  estrearam suas novas arquiteturas gráficas, com Pascal do lado da Nvidia na forma da GTX 1080, e Polaris do lado AMD, com a Radeon RX 480. As duas placas são as opções mais poderosas dos dois fabricantes, mas ao contrário do que seria de se esperar, não competem diretamente pelo mesmo tipo de consumidor.

Na comparação você vai conhecer os pontos fortes e fracos de cada uma e entender quais são as diferenças entre Geforce GTX 1080 e Radeon RX 480 para saber qual é a alternativa mais interessante para a sua realidade.

Desempenho: GTX 1080

imageview

A performance na placa da Nvidia é superior do que na AMD. A AMD desenvolveu a RX 480 não em busca de superar a placa adversária em performance bruta, mas em custo-benefício.

Mas, para quem tem dinheiro para pagar pelo melhor possível, não tem pra ninguém no momento: as variações da GTX 1080 são as melhores e mais rápidas placas de vídeo da atualidade de acordo com uma série de benchmarks independentes.

Especificações: GTX 1080

gtx-10801

Há uma razão simples para que a placa da Nvidia seja melhor em termos de desempenho: possuir melhores especificações técnicas. O processador gráfico da GTX 1080 é mais rápido, 1607 MHz contra 1266 MHz. A memória RAM também é melhor na placa da Nvidia, já que o padrão GDDR5X oferece desempenho superior quando comparado ao GDDR5, usado pela AMD; embora em ambos os produtos a interface entre GPU e memória seja de 256 bits.

Prova disso é banda entre processador e memória: 320 GB/s na GTX 1080 possui 256 GB/s na placa da AMD. A placa da Nvidia conta com 8 GB de memória ao passo que o produto da AMD pode ser vendido em versões de 4 e 8 GB.

Suporte em games

hqdefault

É comum que estúdios que desenvolvem jogos acabem produzindo títulos que se dão melhor em hardware da Nvidia ou da AMD. Isso ocorre por uma série de questões, como proficiência técnica dos desenvolvedores, relação com os fabricantes das placas de vídeo, qualidade dos drivers e, claro, pressão financeira.

A Nvidia costuma se dar melhor, com mais suporte por parte de desenvolvedores. A AMD vem combatendo essa realidade nos últimos anos, já que por força do uso de suas GPUs nos consoles PlayStation 4 e Xbox One, muitos estúdios estão começando a se dar melhor com equipamento da AMD.

Consumo: RX 480

01121547449524

Após anos de uma tendência em que componentes da AMD apresentavam registros absurdos de consumo e dissipação de calor, é surpreendente ter a Radeon RX 480 como mais econômica do que uma rival da Nvidia: Radeon RX 480 gasta menos a 150 watts de TDP, contra os 180 watts do modelo da Nvidia.

A Radeon RX 480 dissipa 150 watts de energia na forma de calor quando em situações de alta demanda. Observe que esse valor não se traduz diretamente na quantidade de energia que a placa consome, mas sim na quantidade de energia que ela desperdiça em forma de calor. Do outro lado, a GTX 1080 da Nvidia vai um pouco além, a 180 watts de dissipação térmica.

Preço: RX 480

Preço é o ponto central da estratégia da AMD, que se propôs a criar uma placa top de linha que não disputa em desempenho com a rival da Nvidia. Enquanto uma placa de vídeo GTX 1080 sai por, em média, R$ 3.800 no mercado brasileiro, a placa da AMD pode ser comprada no exterior por US$ 239 na versão de 8G (R$ 847, em conversão direta. A placa da Nvidia, sai por US$ 599 lá fora, ou R$ 2.040). A expectativa é que a diferença de preços se mantenha a mesma no mercado nacional.

Concluindo

Nos cinco quesitos do comparativo, a Nvidia venceu em dois, desempenho e especificações; a AMD em outros dois, com preço e consumo; e houve um empate em suporte.

O empate é o melhor resultado para distinguir ambas as placas porque faz justiça ao fato de que os dois produtos se destinam a públicos similares, mas com ambições diferentes: a performance bruta da placa da Nvidia não encontra rival no mercado, mas cobra um preço alto por isso na hora da compra e na hora da manutenção, já que consome mais energia que a adversária.

Por outro lado, a AMD não é rival para a Nvidia em desempenho bruto, mas é em custo-benefício: a placa da AMD oferece realidade virtual e ótima performance pela sua faixa de preço, muito inferior ao patamar da Geforce GTX 1080. Além disso, mais bem resolvida.