Menu

E a Apple simplifica de novo…

June 28, 2013 - Notebook's, Notícias, Uncategorized

wallpaper-logo-apple-em-3d-959

Todos sabemos que a Apple tem mania de simplicidade. Essa era a visão de Steve Jobs, e que se tornou marca da marca – sem querer fazer trocadilhos. O que eles fazem é simplesmente retirar tudo o que possa ser retirado. Eles foram, por exemplo, um dos primeiros a adotar o formato “um botão e uma porta” – embora isso tenha dado alguma discussão com a Samsung.

Mas aparentemente isso não foi o bastante para a Apple. Agora, a equipe da empresa desenvolveu uma maneira para combinar a entrada USB com entrada de cartão SD em notebooks -e até patentearam a invenção, com o nome de “Combined Input Port”.

apple-sd-usb-patent

Trata-se, na verdade, de uma porta em camadas que tem um formato que permite dois conectores diferentes ao mesmo tempo. E embora o exemplo dado seja de um conector USB e um SD, na teoria, quaisquer conectores que estejam de acordo com o formato da porta poderiam ser colocados.

Fazer esse tipo de simplificação não é realmente uma questão de necessidade. Na verdade, mesmo juntando duas portas em uma, ainda precisaríamos de várias entradas disponíveis no notebook – para a eventualidade, por exemplo, de você precisar conectar seu pendrive e seu HD externo, já que ambos têm conectores USB.

Mesmo assim, a ideia oferece mais flexibilidade para o usuários – e, por que não, para o desenvolvedor. Uma das vantagens seria a possibilidade de afinar um pouco mais o hardware, o que parece ser a tendência do momento. Outra seria evitar ter muitos penduricalhos na volta toda do seu equipamento – eles ficariam apenas em um ponto do notebook.

O que isso muda para você, usuário de Mac? Por hora, nada. Não há indícios de que a Apple vá alterar o design do Macbook no futuro próximo. Mas é interessante, e até reconfortante, ver que eles continuam, sempre, trabalhando para manter e aprimorar as características que fizeram dela o que é hoje.

 

E por falar em “o que ela é hoje”, a Apple acabou de lançar a versão impressa de sua nova campanha publicitária. Ela recebeu o nome de “Our Signature”, que significa “Nossa Assinatura”. Com um estilo simples e quase “hipster”, ela mostra fotos de pessoas usando os produtos da empresa, acompanhadas de um texto. Este texto é o mesmo que está presente na versão em vídeo da campanha, que foi lançada no começo do mês.

Muitas pessoas analisaram o texto dessa campanha como ruim, se comparado com outras, como “1984” e “Think Different”. Isso por que, dessa vez, ao invés de focar na tecnologia, em seu papel e sua relação com a sociedade, a campanha focou nos produtos – apesar de também ter um tom de manifesto. Em outras palavras… está capitalista demais, egocêntrica demais. Um exemplo disso é a frase “É isto. Isto que importa. A experiência de um produto.”.

Qual é o problema? É só uma campanha, não é? Bem… sim, e não. É importante lembrar que uma campanha publicitária leva ao público a imagem da empresa. Representa o que ela é, quais são os seus valores. E se as campanhas da Apple mudaram, é por que a empresa mudou. A questão, agora, é qual será o impacto dessas mudanças: positivo ou negativo. O que vocês acham?

Clique aqui e veja a campanha da Apple na sua versão impressa!

 

Video Demonstrativo !

http://www.youtube.com/watch?v=Zr1s_B0zqX0